Facebook

Os moradores de um condomínio no município de Araucária (PR) tem recebido diversas visitas de um bugio. O condomínio é vizinho de um remanescente de floresta nativa onde vive essa espécie de primata. É importante reforçar que estes animais não transmitem a febre amarela, não representam um risco aos moradores e que não devem ser alimentados e nem maltratados. Além disso, precisamos lembrar que ambientes naturais preservados em áreas urbanas garantem, além da contemplação de espécies de fauna e flora, uma série de serviços, como a resiliência às mudanças climáticas. Acesse a entrevista de Andre Zecchin à RPC TV sobre este assunto: https://glo.bo/2ypfEx8
Estudo assinado por dez pesquisadores brasileiros na "Nature Climate Change", uma das mais renomadas publicações científicas sobre mudança do clima, estima o custo do retrocesso ambiental. No pior cenário, o recuo ambiental pode ter impacto financeiro de US$ 5 trilhões até 2050.

Twitter

Últimas Notícias

 

Projetos

Para a SPVS, a conservação da biodiversidade representa um componente indispensável para a busca pelo desenvolvimento sustentável. Sob essa perspectiva, a atuação da SPVS se pauta por desenvolver mecanismos inovadores para a manutenção do patrimônio natural e seus processos ecológicos.

SPVS - Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental R. Victório Viezzer, 651 R , Curitiba, Paraná. (41) 3094-4600. .