Notícias Gerais

23 de abril de 2019

Curitiba conta com 27 Unidades de Conservação particulares, sendo a recordista no Brasil

Por Comunicação

Três novas Reservas Particulares do Patrimônio Natural Municipal (RPPNM) foram criadas nesta segunda (15/04). Curitiba, que é conhecida como a capital com o maior número de Unidades de Conservação privadas, passou a contar com 27 Reservas que protegem 358 mil metros quadrados de florestas urbanas. Outros 10 processos de criação estão em trâmite na Prefeitura. Quando a SPVS formalizou parceria com a Prefeitura de Curitiba, em 2008, para visitar proprietários de imóveis com floresta nativa e falar sobre a possibilidade de criação de RPPN, a cidade contava com apenas três Reservas. Mais de dez anos depois, a SPVS visitou mais de mil imóveis, produziu materiais informativos e prestou apoio técnico para a maior parte das Reservas criadas ao longo desse tempo. Também incentivou e participou da criação da APAVE – Associação dos Protetores de Áreas Verdes de Curitiba e Região Metropolitana, que reúne os proprietários de RPPN e defende políticas de apoio à conservação de áreas naturais particulares.

As RPPN são Unidades de Conservação criadas por iniciativa voluntária de proprietários que desejam mantém conservada, em caráter perpétuo, a biodiversidade que possuem em seus imóveis. Este importante instrumento de conservação foi aperfeiçoado pela Prefeitura de Curitiba, que implantou uma forma de Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) aos proprietários das Reservas, que podem transferir o potencial construtivo do imóvel e receber recursos para manter a área preservada. Esse modalidade de PSA só existe em Curitiba e já foi apresentada e reconhecida internacionalmente nas duas últimas Conferências das Partes (COP) da ONU sobre Mudança do Clima, em Paris (2015) e Bonn (2017) como uma importante estratégia de enfrentamento às mudanças climáticas.

“É uma alegria podermos oferecer para os atuais curitibanos, para os curitibinhas e para os futuros curitibanos, este legado de preservação”, destacou o prefeito Rafael Greca. A presidente da APAVE e proprietária da RPPNM Airumã, Terezinha Vareschi, entregou uma homenagem ao prefeito que também foi presenteado por ilustrações de abelhas nativas feitas pelo grupo Artists & Biologists Unite for Nature (ABUN), representados por Christoph Hrdina e Kitty Harvill.

Acesse aqui o conteúdo disponibilizado pela Agência de Notícias da Prefeitura de Curitiba