Notícias Gerais

3 de julho de 2013

Entrevista com HSBC

Por Comunicação

Em entrevista, Linko Ishibashi, superintendente executiva de sustentabilidade do HSBC, explica a importância da conservação da natureza para os negócios.

SPVS – Por que é importante para empresas apoiar projetos de conservação?

HSBC – É inegável a importância do papel do setor privado na transição para uma sociedade mais sustentável. Junto com o governo, o peso das ações das empresas é impactante, e traz reflexos imediatos. Atualmente muitos estão mais atentos aos processos de transformação de matéria prima e às consequências de um modelo de produção, e ainda de como é importante alinhar essa prática a um modelo menos agressivo, e consequentemente, perene. O apoio a projetos de conservação, independente de sua motivação – e cada ramo de empresa tem uma diferente – é vital para manter possível a evolução social e o equilíbrio das relações ambientais e produtivas.

SPVS – Qual a percepção de sustentabilidade o E-CONS trouxe para o HSBC?

HSBC – O HSBC tem uma ideia clara da necessidade de se atuar em todos os pilares da sustentabilidade: econômico, social e ambiental, mesmo que este último seja indiretamente impactado pela ação de um banco. Assim, vimos no projeto E-CONS uma oportunidade de casar o apoio ambiental ao desenvolvimento do comportamento empreendedor de um líder ambiental.

SPVS – Qual a relação de dependência entre o setor privado e a conservação da biodiversidade?

HSBC – Podemos dizer que há uma relação de total dependência entre o setor privado e a conservação da biodiversidade, principalmente entre a existência de áreas naturais e os processos ecológicos com as atividades produtivas, devido à disponibilização dos serviços ambientais. Hoje é imprescindível que o setor privado insira a preocupação com a conservação da biodiversidade em sua gestão empresarial, administrando oportunidades e possíveis riscos na execução de seus negócios. Os serviços ambientais são essenciais para o desenvolvimento social, ambiental e econômico. Se a biodiversidade estiver ameaçada o sistema econômico e a sociedade também estarão.

SPVS – Qual a visão do HSBC para gestão ambiental dentro da estrutura empresarial?

HSBC – O HSBC trabalha globalmente para reduzir o seu impacto ambiental através da adoção de novas tecnologias e da conscientização de seus colaboradores e stakeholders, gerando benefícios ambientais e redução de custos nas operações. Como parte do comprometimento em reduzir sua pegada ambiental, o HSBC monitora de forma contínua o impacto de suas operações. Além disso, para completar sua estratégia e compromisso, também apoia projetos ambientais focados na conservação da biodiversidade, e de recursos hídricos, além de outros voltados para o acesso à água e saneamento básico.